terça-feira, 11 de maio de 2010

YEZDA URFA - Boris 1975 (USA)



Bitrate: 256
mp3
Ripped by: Natürlich Prog
Source: Japan CD Remaster

Criminosamente mal interpretado pela indústria fonográfica e, portanto, mantido afastado de uma audiência que poderia muito bem dar-lhes a atenção merecida, o fato é que Yezda Urfa é um dos melhores nomes do prog rock dos E.U.A. .
Sua primeira gravação, "Boris" era na verdade uma demo, assim sendo podemos ter esta amostra que inclui uma seleção de idéias que estão ainda para encontrar uma expressão final no seu álbum auto-financiado, mas também outras canções que só aparecem aqui.
Todos eles são grandes cada um à sua maneira, extravagante. O repertório é uma combinação de melodias a lá Gentle Giant, com o uso elegante do contraponto e da dissonância, tudo devidamente temperado com toques de jazz-rock, música circense e folk-pop . Você pode notar semelhanças com o mais leve Happy the Man ("Beginnings" e "Death's Crown"). Esta banda ama brincar com contrastes todo o tempo, mas eles fazem isso naturalmente, nunca deixando a expontaneidade para a inventividade artificial .

O ouvinte atento ira identificar rapidamente o humor na exibição de habilidade e dinâmica abundante nas transições entre as musicas. A primeira faixa inclui o que seriam duas faixas separadas no album "Sacred Baboon", mas quando você se familiarizar com esta versão, você vai notar que o elas se encaixam perfeitamente apesar de suas diferenças mútuas. Há uma última seção extra , uma balada acústica construída sobre uma melodia muito comovente: ela teria se encaixado perfeitamente como uma música do Air Supply, se o arranjo tivesse sido de forma diferente, mas mais uma vez, a beleza teria sido levada para o lado brega. Então, porque esta é uma banda de prog Bem humorada, o que temos é um arranjo inteligente com uma combinação de sabores exóticos e pompa sinfónica. manter a fluidez suficiente para não estragar a beleza delicada do tema, ainda assim, dando-lhe uma espécie de baixo-peso tipo Frank Zappa.

"Boris" é um pouco mais aventureiro do que o esforço prog subseqüente "Sacred Baboon". Eu realmente gosto muito do "Babuíno", mas para mim "Boris" é a obra real do Yezda Urfa - o que é mais uma obra-prima em si, uma pedra preciosa que só recentemente tem vindo a ser devidamente apreciada por uma grande parte da comunidade prog mundial . Felizmente, mais e mais pessoas se atrevem a entrar no mundo do Yezda Urfa e descobrem a magia do som que está lá dentro.


01. Boris And His 3 Verses, including Flow Guides Aren't My Bag (11:00)
02. Texas Armadillo (1:48)
03. 3, Almost 4, 6 Yea (8:46)
04. Tuta In The Moya & Tyreczimmage (10:50)
05. Three Tons Of Fresh Thyroid Glands (10:20)

>>Download<<

Nenhum comentário:

Postar um comentário