quinta-feira, 23 de junho de 2011

ANGELO BRANDUARDI

Angelo Branduardi nasceu em Cuggiono, nos arredores de  Milão. Mais tarde sua família se estabeleceu em Gênova.  Angelo recebeu sua certificação em violino no "Niccolò Paganini" Academia de Músicae e começou a tocar como solista com a orquestra da Academia. Na idade de quinze anos mudou-se novamente, desta vez para Milão, a fim de freqüentar a escola, onde foi ensinado pelo grande poeta Franco Fortini. Depois disso, ele estudou Filosofia na universidade. Durante esse tempo, ele começou a compor, colocando os textos de seus autores favoritos na música. "Confessioni di un Malandrino" do poeta russo Sergej Esenin, uma de suas canções mais famosas, são datadas daqueles anos ainda durante a faculdade.

Ainda muito popular hoje em dia, Branduardi pode ser considerado um artista progressivo devido ao seu grande amor pelo folk e música clássica, que sempre foram uma fonte essencial de inspiração para ele. Durante sua longa carreira ele sempre foi muito consistente no seu estilo, e nunca comprometidos a fim de obter sucesso comercial. Seu primeiro álbum homônimo, lançado em 1974, é um dos mais atraentes para os fãs prog, mas o grande sucesso veio com "Alla fiera dell'est", gravado para a Polydor em 1976. Tanto o single como o LP foram top hits na Itália, e também fez o artista ficar famoso em outros países europeus como na Alemanha e na França, onde a maioria de seus álbuns foi lançado, muitas vezes em diferentes versões do que os originais, e que fazem com que Branduardi excursione constantemente .

Combinando melodias folclóricas tradicionais (geralmente do norte da Europa) com a música clássica, Branduardi, um violinista treinado, criou um estilo inconfundível que ainda é muito popular hoje em dia. Ao longo dos anos ele tem trabalhado com muitos outros artistas italianos, e sua colaboração com o Banco del Mutuo Soccorso é notável e muito considerada por prog fãs: Branduardi tocou violino em "Come in un'ultima cena", e traduziu a letra para a versão em Inglês desse álbum.






Nenhum comentário:

Postar um comentário