sábado, 22 de outubro de 2011

NATÜRLICH PROG Nº 23

Programa que foi ao ar em 22/10/2011 pela Rádio Web Underground Lágrima Psicodélica.
BLOCO 1 - THE CARPET KNIGHTS
- All Be The Same
-No Space to Spare
-Zonked
-Fools and Silent Callers
-Sad Soul
-Feel It
-Last of Many

BLOCO 2 - SONIQ CIRCUS
-Inside the Hourglass
-Formula
-Actor
-By The Heartshaped Lake
-Learning to Talk

BLOCO 3 - BOTICHELLI & BORDINI
-Nativita
-Icaro
-Dolce Sorella
-Un Cane
-Esvegliarse in un Giorno
-Cammellandia

NOVO ENDEREÇO DO LÁGRIMA PSICODÉLICA :

SPOOKY TOOTH

O Spooky Tooth foi uma banda britânica de rock progressivo formada em 1967, na Inglaterra. Foi uma das pioneiras do que hoje chamamos hoje de Hard Rock, Heavy Metal ou Rock Pesado. Influenciou de modo notável uma grande parcela de bandas e músicos. Gary Wright (único Norte Americano da banda) e Mike Harrison alternavam vocais e teclados, Luther Grosvenor Guitarra, Greg Ridley (Baixo e Guitarra) e Mike Kellie (Bateria e percussão) foi a formação principal, mas a banda teve muitas modificações em sua trajetória! A partir da década de 70 emplacaram vários hits, principalmente nos EUA. Uma das maiores virtudes da banda é a facilidade com que mesclam elementos como blues, rock progressivo e rock´n´roll. Para muitos (que a considera no mesmo patamar de "The Who", "Doors", "Yardbirds", etc.) a banda é injustiçada no meio do Rock, pois nunca teve o merecido reconhecimento, principalmente no Brasil.

  •     Mike Harrison ( Michael Harrison, 3 Setembro de 1942, Carlisle, Cumberland) (keyboards/vocals)
  •     Greg Ridley (Alfred Gregory Ridley, 23 Outubro de 1942, Aspatria, Cumberland — morto em 19 November 2003, in Alicante, Spain) (bass guitar/vocals)
  •     Luther (Luke) Grosvenor ( Luther James Grosvenor, 23 Dezembro de 1946, Evesham, Worcestershire) (guitar/vocals)
  •     Mike Kellie, ( Michael Alexander Kellie, 24 de Março de 1947, Birmingham, Warwickshire) (drums)
  •    Gary Wright, (Gary Malcolm Wright, 26 de Abril de1943, Cresskill, New Jersey, U.S.) (organ/vocals)
 Foi depois do álbum  Supernatural Fairy Tales que a banda mudou de nome ; de ART para SPOOKY TOOTH. Gary Wright foi apresentado aos membros do ART por Chris Blackwell, fundador da Island Records.

O LP  "Spooky Two" é  considerado o de melhor entrosamento do grupo e foi o último  lançamento com lineup original. Este LP incluía a música "Better By You, Better Than Me", que foi gravada pelo Judas Priest no seu disco de  1978 Stained Class. A música mais tarde ganhou  atenção na mídia devido a um processo no tribunal em 1990. Alegou-se que as mensagens subliminares na gravação da música do Judas Priest induziu dois jovens a cometer suicídio . O tribunal acabou que decidiu  a favor do acusado, não encontrando fundamento nas acusações.

Greg Ridley juntou-se Humble Pie em 1969 e foi substituído por Andy Leigh (a tempo para gravar o álbum de 1970 -Cerimony ), que foi para a Matthews Southern Comfort com o ex vocalista doFairport Convention Ian Matthews. A natureza experimental de Cerimony recebeu críticas mistas e após seu lançamento Wright também saiu de cena. O núcleo com Harrison, Grosvenor e Kellie lutaram por mais um álbum, apropriadamente intitulado  The Last Puff, e foram ajudados pelos amigos da Joe Cocker's  Grease Band.

Eles se separaram no outono de 1970, porém após os esforços de Harrison e Wright, o Spooky Tooth foi reformado em setembro de 1972 com um line-up (e que mudou frequentemente) diferentes. O membro mais conhecido destes line-ups (de março de 1973 a Setembro de 1974) foi Mick Jones (guitarra / vocais), mais tarde, Foreigner e, a partir de fevereiro-maio ​​de 1974, Mike Patto (vocal) substituiu Harrison para a gravação em 1974 de  The Mirror . O grupo, então, se separou novamente em novembro de 1974.

1967 - 1969    
    Mike Harrison - keyboards, vocals
    Gary Wright - organ, vocals
    Luther (Luke) Grosvenor - guitar, vocals
    Greg Ridley - bass, vocals
    Mike Kellie - drums

1969 - 1970    
    Mike Harrison - keyboards, vocals
    Gary Wright - organ, vocals
    Luther (Luke) Grosvenor - guitar, vocals
    Andy Leigh - bass, vocals
    Mike Kellie - drums

1970 - 1971    
    Mike Harrison - keyboards, vocals
    Chris Stainton - organ
    Luther (Luke) Grosvenor - guitar, vocals
    Henry McCullough - guitar
    Alan Spenner - bass
    Mike Kellie - drums

1972 - 1973[7]    
    Mike Harrison - keyboards, vocals
    Gary Wright - organ, vocals
    Mick Jones - guitar, vocals
    Ian Herbert - bass, vocals
    Bryson Graham - drums

1973 - 1974    
    Mike Harrison - keyboards, vocals
    Gary Wright - organ, vocals
    Mick Jones - guitar, vocals
    Chris Stewart - bass, vocals
    Mike Kellie - drums

1974    
    Mike Patto - keyboards, vocals
    Gary Wright - organ, vocals
    Mick Jones - guitar, vocals
    Val Burke - bass, vocals
    Bryson Graham - drums

1998    
    Mike Harrison - keyboards, vocals
    Luther (Luke) Grosvenor - guitar, vocals
    Greg Ridley - bass, vocals
    Mike Kellie - drums

2004    
    Mike Harrison - keyboards, vocals
    Gary Wright - organ, vocals
    Joey Albrecht - guitar, vocals
    Michael Becker - bass, vocals
    Mike Kellie - drums

2009    
    Mike Harrison - keyboards, vocals
    Gary Wright - organ, vocals
    Steve Farris - guitar, vocals
    Shem von Shroeck - bass, vocals
    Tom Brechtlein - drums







quarta-feira, 12 de outubro de 2011

ORPHANED LAND - Mabool - The Story of the Three Sons of Seven


Um dos melhores albuns de Prog-Metal lançados ultimamente, ORPHANED LAND - Mabool pega a música folclórica israelense e a tritura  com alguns dos mais pesados  sons de metal progressivo na música moderna.
Eu não sei quase nada sobre metal. Eu não sei qual a diferença entre o death metal, black metal, doom metal, dark metal e todos os subgêneros .
Death metal progressivo com um toque de doom ? O que significaria exatamente isso? Eu quase nunca escuto metal, mas quando um som me chama a atenção eu ouço. Eu realmente não sou muito chegado  a metal se bem que devo admitir que existem alguns grupos bastante interessantes. 

Um álbum de metal típico poderia facilmente abordar este conceito, mas o Orphaned Land leva o álbum para um novo nível com a adição de letras em hebraico e árabe e o uso de  vários instrumentos populares de Israel misturados com um som de metal incrível. Seu som soa parecido ao Opeth, misturando raiva com rosnados e vocais limpos.  Mesmo quando o contrabaixo entra, os instrumentos têm algum tipo de melodia perceptível, trazida através de uma produção excelente. Orphaned Land também possui um grande  sintetizador, que flutua em cima de tudo  expressando  melhor as canções. 
Halo Dies (The Wrath of God) atravessa o metal com diferentes sons , alternando tempos e sentimos o desempenho da banda com maestria . A canção abre com uma fest headbanging midtempo com excelentes vocais limpos. O uso de instrumentos do Oriente Médio adicionam uma grande originalidade ao som. Isto construido a um clímax de contrabaixo, aparentemente representando a ira de Deus com a mudança para rosnados vocais, sintetizadores climáticos e sons ambientes que deixam a entender a destruição. A música pega ritmo  com um  riff de guitarra com influencia Oriental. Isto é apenas metade da canção e a música continua a passar por várias mudanças diferentes, incluindo uma seção acústica muito mais suave. 

Mabool está entre os melhores álbuns de metal de todos os tempos, devido à sua consistência, variedade e excelência global na musicalidade. As harmonias, os vocais, a produção global, e tudo sobre o álbum atinge a perfeição. O álbum é surpreendentemente fácil de ouvir. As últimas cinco faixas do álbum são algumas das canções mais fortes que eu já ouvi . Este álbum deve estar na discoteca de quem realmente curte ouvir um som inovador e de boa qualidade.

Recommended Tracks:
The Birth of Three (The Unification)
Halo Dies (The Wrath of God)
Norra El Norra (Entering the Ark)
The Calm Before the Flood
Mabool (The Flood)
The Storm Still Rages
Rainbow (The Resurrection)

Line Up:

- Kobi Farhi / vocals, growls, chants and reading
- Yossi Sassi / guitars, saz, buzuki and oud
- Matti Svatizky / guitars
- Uri Zelcha / bass
- Eden Rabin / keyboards and piano

Guests musicians:
- Avi Diamond / drums
- Avi Agababa / percussions
- Shlomit Levi / female vocals

Track List:
Disc 1 - The Album
01. Birth Of The Three (The Unification) - 6'57
02. Ocean Land (The Revelation) - 4'43
03. The Kiss Of Babylon (The Sins) - 7'23
04. A'salk - 2'04
05. Halo Dies (The Wrath Of God) - 7'29
06. A Call To Awake (The Quest) - 6'09
07. Building The Ark - 5'02
08. Norra El Norra (Entering The Ark) - 4'23
09. The Calm Before The Flood - 4'24
10. Mabool (The Flood) - 6'59
11. The Storm Still Rages Inside - 9'19
12. Rainbow (The Resurrection) - 3'01

Disc 2 - The Calm Before The Flood - Live Acoustic (EP)
01. The Evil Urge - 3'28
02. A Never Ending Way - 3'14
03. Mercy [Live] - 3'46
04. The Beloved's Cry [Live] - 6'41
05. The Orphaned's Medley - 9'32
- My Requiem
- Seasons Unite
- Of Temptation Born
- Orphaned